Entenda como trabalhar menos pode aumentar a sua produtividade

0708

Quantas vezes você já sonhou em poder ter menos horas de trabalho para passar mais tempo ao lado da família? Essa possibilidade pode ser algo ainda abstrato em muitas empresas, mas alguns testes já mostraram que ela pode ser uma boa forma de promover eficiência na rotina da equipe. Priorizar o período mais produtivo dos funcionários e aumentar o tempo de descanso pode render grandes resultados e, além disso, proporcionar um ambiente de trabalho mais atrativo e motivador para todos!

Uma empresa renovada:

O estudo entre a relação entre a maior produtividade e a redução na carga horária veio de uma empresa da Nova Zelândia, que comprovou por meio de um teste resultados positivos, tanto para os funcionários quanto para a organização. Durante dois meses, a jornada de trabalho semanal foi alterada de 5 para 4 dias, gerando 8h a mais de descanso para o grupo. Com essa mudança, o objetivo era verificar se as primeiras horas mais produtivas de uma equipe bastam para gerar os resultados esperados. No fim, as expectativas foram correspondidas com sucesso.

Em busca dos benefícios:

Ao avaliar a redução da carga horária dos funcionários de uma empresa, o mais provável é imaginar apenas vantagens para a equipe. No entanto, os resultados obtidos pela empresa neozelandesa mostram que há benefícios para ambos os lados. Com mais tempo disponível para o descanso, é possível também ter mais produtividade. Imagine a sua própria rotina como exemplo: depois de um determinado tempo de trabalho o mais provável é que a motivação comece a diminuir, certo? Dessa forma, o ideal é priorizar as primeiras horas mais proveitosas, garantindo resultados superiores na produção e menores gastos com energia. E o mais importante: com mais horas dedicadas ao lazer, os funcionários passam a ter menores chances de conviver com o estresse.

Possíveis riscos:

É claro que, com a diminuição da carga horária, é preciso reforçar o planejamento da equipe para cumprir os prazos. Caso isso não ocorra, a nova rotina pode resultar em funcionários ainda mais estressados por não concluírem suas tarefas.

Por isso, é interessante implantar um novo modelo de gerenciamento, dividindo a equipe em grupos e planejando um ambiente confortável para o trabalho. Assim é possível criar uma nova cultura na empresa e fazer a transição dos processos de forma gradativa e clara, a fim de garantir o envolvimento e adesão de todos os colaboradores.

Leia também: