Conheça o método de criação do Google e aplique nos seus negócios

2911

Sabemos que o Google é uma das maiores e mais inovadoras empresas do mundo nos mais variados aspectos. Reconhecida mundialmente, ela é referência dentro da área de tecnologia e criação. Por isso, trouxemos um método de produção da empresa que se encaixa em uma semana e abrange todos os processos de trabalho que possam existir dentro da área criativa. disso.

Basicamente, o método consiste em cinco fases: descompactar, esboçar, decidir, prototipar e testar. A ideia é que cada uma dessas fases tenha a duração de um dia e em uma semana você consiga projetar o que deseja e precisa. Além disso, o trabalho é executado por equipes e não indivíduos, então é importante que todos os envolvidos estejam cientes do processo e do desenvolvimento das funções. Vamos às etapas:

Descompactar

Este é o momento de entender o problema e falar sobre o que ele envolve. Nesse momento, é preciso falar sobre todas as questões existentes acerca do assunto e possíveis soluções já existentes. É importante que toda a equipe esteja reunida, pois é desde o começo que se desenrola todo o processo de criação. O essencial nesse ponto é apresentar com clareza o problema, falar sobre as dificuldades, soluções e dados que  existam  para embasar o tema.

Esboçar

Chegou a hora de pensar, colocar a mente para funcionar e surgir com as mais diversas ideias possíveis para a solução do problema. Cada um deve esboçar uma solução, seja ela qual for, com total liberdade de expor as suas iniciativas  o que importa é começar um rascunho disso. É primordial que toda a equipe exerça essa função, para que assim o leque de soluções possíveis seja maior e mais abrangente durante a criação.

Decidir

Escolher não é fácil, mas é necessário. Após reunir todas as ideias, a equipe deve decidir, em conjunto, qual será o caminho para solucionar o problema. Este é um momento importante de análise de ideias, discussões e argumentação para que seja escolhida a melhor abordagem para se chegar ao resultado esperado. Outro fator importante neste momento é: elimine ideias que são inviáveis e otimize o tempo da equipe.

Prototipar

Este é o momento de colocar a mão na massa. Testar e ver a funcionalidade da solução que foi escolhida. O importante é escolher uma ferramenta que permita a execução da solução de forma simplificada e ágil.

Testar

Por último e não menos importante, eis a fase de testar. Isso é o que dará sentido a todo o processo. Nessa etapa, toda a experiência do usuário conta, para saber se a solução aplicada  tem um valor real. Em geral, são realizados alguns testes com usuários e o feedback servirá como embasamento para aferir os resultados, os aprimoramentos necessários e qual o encaminhamento a ser dado para isso.
O que acha de implementar esse formato nos seus negócios? Faça o teste e compartilhe a sua experiência.

Leia também: