Tecnologia

Dicas para reduzir o uso do smartphone

Atualizar as redes sociais, conferir novas mensagens ou fotografar cada momento tornam a tecnologia cada vez mais presente na vida das pessoas. Você já analisou quantas horas passa conectado ao longo do dia? Além de interferir na produtividade e nas relações pessoais, o uso exagerado de smartphones e outros aparelhos vem sendo motivo de preocupação médica. Isso porque, quando se torna um vício para o usuário, ele acaba interferindo em toda a sua rotina e, com isso, na sua própria saúde.

Quando detectar o vício no mundo digital?

Nem sempre é fácil detectar sozinho esse tipo de vício, no entanto, ter consciência sobre ele é o primeiro passo para enfrentá-lo no momento certo. Fique atento: você já percebeu como o seu corpo reage ao ficar longe do smartphone por alguns minutos? Se isso é um motivo para ansiedade e irritabilidade, essa é a hora de repensar e reduzir o tempo de utilização.

5 dicas para combater esse vício

1) Silencie notificações – A chegada de novas mensagens é algo que interrompe a sua concentração? Se a ansiedade faz com que você queira conferir as notificações o tempo todo, silenciar essa função pode gerar bons resultados. Experimente ativar o modo silencioso por 1 hora e aumentar esse período gradativamente.

2)Procure preencher seu tempo livre com novas opções – Com a variedade de tecnologias móveis disponíveis, qualquer tempo livre passou a ser preenchido. Quantas vezes você se deparou utilizando o smartphone durante o almoço com algum amigo? Para mudar essa realidade, procure usar o seu  descanso com novas possibilidades. Um caça-palavras ou um bom livro podem fazer a diferença!

3)Defina pausas diárias – Se você costuma estar entretido com o mundo digital  minuto a minuto, definir uma rotina de pausas pode ser a melhor forma de desapegar desse vício. Comece devagar, desligue todos os seus aparelhos por pelo menos 30 minutos diários e desfrute de outros recursos. Aos poucos essa média pode ser aumentada, o que deixará o seu dia muito mais produtivo.

4)Desligue todos os aparelhos antes de dormir – Se você está prestes a dormir e é interrompido por uma notificação de mensagem, certamente o seu sono será substituído por mais alguns minutos acordado, não é mesmo? Por isso, quem dorme longe do celular costuma ter noites de sono muito mais saudáveis. Adote este hábito cerca de 30 minutos antes de deitar, desligando todos os aparelhos e permitindo que o seu corpo relaxe. Até porque uma noite mal dormida pode interferir de forma bastante negativa na sua saúde!

5)Estipule um tempo de uso – Atualmente existem diversos aplicativos que registram quanto tempo você passa online e podem ajudar a reduzir esse uso. Comece a verificá-lo diariamente, estipulando uma meta de diminuição. Aos poucos será possível notar diferença na sua necessidade de permanecer conectado.
Substituindo o uso contínuo do seu smartphone por novas possibilidades, é possível construir hábitos mais saudáveis e interativos. Compartilhe essa ideia e relembre como você aproveitava o seu tempo livre!

Como evitar golpes em aplicativos de mensagens

Os tradicionais aplicativos de mensagens costumam fazer sucesso na rotina de muita gente. Você já analisou quantas ligações são poupadas graças a essa ferramenta? Programados e lançados com o objetivo de facilitar a comunicação cotidiana, esses aplicativos oferecem grandes vantagens. Mas por serem tão comuns entre a população, costumam ser alvo de cibercriminosos. Por isso, é importante estar atento e evitar conteúdos suspeitos, colocando como prioridade a segurança diante de qualquer tentativa de golpe!

5 dicas para utilizar aplicativos de mensagens com segurança:

Não acesse links recebidos de terceiros – Links recebidos de números desconhecidos nunca devem ser abertos. Além de ser a principal forma de transmitir vírus para o seu smartphone, esse conteúdo pode deixar suas informações vulneráveis!

Suspeite de mensagens que incentivam o compartilhamento – Notícias e promoções duvidosas certamente já apareceram em um dos seus grupos de mensagens, certo? Por mais que esse conteúdo seja enviado por algum amigo, é importante questionar a sua autenticidade, principalmente quando a mensagem incentiva o compartilhamento. A chance de ser uma oferta extremamente vantajosa é muito menor do que a possibilidade de um golpe contra a sua segurança.

Nunca forneça dados pessoais – Os dados pessoais podem afetar a sua segurança de diversas formas, por isso, não confie em mensagens que solicitam essas informações para garantir algum benefício. Números de documentos, senhas e dados bancários são os principais alvos de criminosos, e devem ser mantidos em sigilo!

Fique atento aos erros gramaticais – Campanhas publicitárias são produzidas e inspecionadas por diversos profissionais de uma marca. Isso quer dizer que a possibilidade de receber esse conteúdo com erro gramatical é muito pequena! Caso você receba mensagens com esse perfil, a melhor opção é excluir e ignorar a informação recebida.

Promoções podem ser uma cilada! – Datas comemorativas como o Dia das Mães e o Natal são épocas mais propícias a receber mensagens de promoções convidativas. Seja através de anúncios oferecendo produtos grátis ou benefícios que envolvem as suas informações pessoais, todas as promoções com vantagens absurdas devem ser questionadas! Uma forma de verificar a autenticidade dessas campanhas é entrando diretamente no site da marca. Caso exista, você vai encontrar todas as informações de forma confiável!

Se proteja com um antivírus:

Além de questionar a veracidade das mensagens recebidas, uma boa forma de garantir a sua segurança é com a instalação de um antivírus. Hoje existem diversas opções gratuitas que sinalizam qualquer acesso de conteúdos duvidosos, algo que pode ser extremamente útil para proteger o seu aparelho de invasões. Um smartphone lento, com muitos anúncios e alto consumo de dados pode estar apresentando sinais de vírus, fique atento!

Profissionais da Segurança da Informação:

A implementação de projetos que ofereçam proteção aos usuários diante das diferentes tecnologias é extremamente importante para garantir o sigilo dos dados. Os profissionais de Segurança da Informação são os principais responsáveis por essa área de atuação! Se você tem interesse no assunto, conheça mais sobre a rotina de trabalho e os conhecimentos desempenhados por essa profissão. O Senac/SC oferece cursos nessa área. Saiba mais através do link: http://portal.sc.senac.br.

Como tornar a tecnologia uma aliada aos estudos

Exercícios, leituras e produções de textos fazem parte de uma rotina de estudos. Mas você já pensou no quanto a tecnologia oferece recursos que ajudam a reforçar o assunto visto em sala de aula e como ela pode ser uma aliada nos resultados? É possível armazenar livros no seu smartphone e aproveitar o tempo da melhor forma. Só não vale esquecer de compartilhar as dúvidas com o seu professor, assim você debate o assunto e aprende de forma interativa! Confira:

5 vantagens que a tecnologia oferece na hora dos estudos:

  1. Ela pode tornar a hora dos estudos mais atrativa e motivadora, aumentando as possibilidades de exercícios e interação. Mas, é claro, todas as notificações devem ser silenciadas!
  2. Armazena leituras e exercícios com mais praticidade. Sabe aquele congestionamento diário que você pega na volta para casa? Esse pode ser um bom momento para reforçar o conteúdo através do seu smartphone!
  3. Reduz a quantidade de papel utilizada na impressão de textos e exercícios, além de disponibilizar livros e materiais gratuitos para download.
  4. Oferece aplicativos que abordam diferentes assuntos, o que ajuda a despertar novas curiosidades e conhecimentos.
  5. Dispõe de recursos para reforçar o aprendizado de forma interativa e participativa. Ao fazer um quiz ou selecionar uma playlist relacionada aos estudos, o conteúdo que você está aprendendo enquanto se diverte pode ser agregado ao seu conhecimento.

Foco nas oportunidades

Hoje é possível encontrar diversos aplicativos planejados para a educação. Mas fique atento com todas essas opções: procure as mais confiáveis dentro da rede e que possuam conteúdo de qualidade. Seja um curso de idiomas, quiz interativo de história ou aulas de reforço em matemática, cada um é pensado para auxiliar as suas dificuldades. E se você é atraído por essa alternativa, aproveite todas as oportunidades disponíveis! Analise aquilo que você mais tem dúvidas e procure opções que abordem o tema. Certamente será uma boa maneira de reforçar o seu conhecimento.

Para quem gosta de livros, alternativas também não faltam! A quantidade de obras gratuitas disponíveis na internet é grande, e como você já deve saber, não há nada mais importante para um aluno do que uma boa rotina de leituras. Além de ter contato com diferentes assuntos, essa é uma forma de aumentar o vocabulário e refinar sua escrita. Outra opção é são aplicativos que podem ajudar na organização das suas leituras, dando indicações de livros e montando aquela lista para você não deixar nenhum livro para trás. Portanto, monte a sua lista de livros e mãos à obra!

E os resultados?

O objetivo de inserir a tecnologia nos estudos é motivar a concentração, certo? Então é importante ficar atento se os resultados estão de acordo com o esperado. Se ao invés de completar exercícios, você está disperso com outros recursos tecnológicos, é melhor rever esse uso! Por isso, é fundamental desativar notificações de mensagens e redes sociais. Com o aparelho preparado para os seus estudos, os resultados certamente serão positivos. 

Leve esse conhecimento para a sala de aula, compartilhe com seus colegas e professores e inclua a tecnologia na sua rotina de estudos tendo um grande aliado dentro e fora da sala de aula.

Você costuma utilizar a tecnologia na sua rotina de estudos? Compartilhe com a gente alguns aplicativos! (;

A diferença entre um programador back-end, front-end e full-stack

Escolher uma carreira para seguir nem sempre é uma decisão fácil. Normalmente, ao pesquisar um pouco mais a fundo sobre uma área de atuação, nós descobrimos diversos segmentos que podem causar certa confusão e dificultar esse processo de escolha. Com a programação não é diferente: você sabe a diferença entre um programador back-end, front-end e full-stack?

Continue lendo

Os riscos e os cuidados do armazenamento de arquivos em nuvem

Até uns anos atrás, na hora de guardar documentos digitais, era comum usar disquetes, CD-ROM, pendrives ou outros dispositivos eletrônicos. Esse hábito fazia com que fosse preciso ter espaço para guardar todos esses itens e cuidar com a sua conservação. Atualmente, com o armazenamento de arquivos em nuvem, a tarefa ficou muito mais prática – e o melhor: não precisa mais reservar a primeira gaveta da estante!

Continue lendo

Momento nostalgia: o que era alta tecnologia nos anos 2000

A cada ano, novas tecnologias se apresentam e, rapidamente, incorporam-se à nossa rotina. E, em pouco tempo, não sabemos mais viver sem elas. Alguém se lembra como era a comunicação antes do Whatsapp? Ou então celulares sem 3G? Parece uma realidade distante, mas há menos de uma década, grande parte dos aparelhos telefônicos não possuíam acesso à internet e às mensagens SMS eram a principal forma de contato.

Continue lendo

O que é Small Data e por que todo mundo está falando sobre isso?

O Big Data tem sido muito importante para as empresas, afinal, selecionar dados é essencial para compreender o mercado e enxergar oportunidades que podem beneficiar o seu negócio. A Netflix foi um exemplo disso ao conseguir classificar seus clientes de acordo com suas preferências. O Walmart, com seus leitores ópticos capazes de criar um banco de dados com a frequência de compra dos consumidores, também. Mas agora surge o Small Data. Você sabe o que é?

Continue lendo

O que a Inteligência Artificial já faz e você não sabe?

Quando se fala em Inteligência Artificial, logo pensamos em robôs com feições de seres humanos capazes de fazer todas as atividades que nós executamos – melhor e mais rapidamente. E não é à toa, afinal, quem não se impressiona com filmes clássicos como Blade Runner, 2001 – Uma Odisseia no Espaço ou até mesmo produções mais recentes que tratam do assunto, como Ela, Westworld e Ex-Machina?

Continue lendo

Chatbot: entenda o novo meio de comunicação entre consumidor e empresa

Você sabe o que é chatbot? Talvez o nome não seja tão familiar, mas certamente já se deparou com um deles – e quem sabe até fez uso da tecnologia. Também conhecidos por assistentes virtuais, chatbots são aquelas janelas de conversação que servem para tirar dúvidas ou resolver problemas sempre que você entra em um site ou abre um aplicativo de determinada empresa.

Continue lendo