5 livros para você colocar agora na sua lista de leitura

0903

 

Já começamos o ano e fica a pergunta: quantos livros você já leu em 2019? Que tal acrescentar algumas obras na sua lista, confira nossas dicas:

1)O ano do pensamento mágico

A obra é uma autobiografia da autora Joan Didion que fala sobre o luto de perder seu marido repentinamente. Apesar de ser uma das certezas da vida, a morte é um tema difícil de lidar e a escritora foge do clichê desse tema com sinceridade e alguns dados recolhidos em pesquisas científicas. O livro possui uma linguagem engajada e coloquial, que ajuda nesse entendimento sobre perder um ente querido.

2) A revolução dos bichos

O livro escrito por George Orwell trabalha com uma fábula que foi escrita em 1945, mas que ainda é muito atual para os momentos políticos que encontramos no mundo. A história fala de uma granja onde os animais se reúnem para organizar uma revolução para dar fim à exploração imposta pelo fazendeiro, senhor Jones. A moral da obra faz uma crítica social importante que é válida para qualquer pessoa que deseja pensar e refletir sobre as construções sociais.

3) A Sutil Arte De Ligar O Foda-se

Sabe aqueles livros que deixam sua mente intrigada? Pois esse é o objetivo da obra de Mark Manson, que escreve de forma muito sincera, sem meias palavras e sem muito positivismo. Ao contrário, ele justamente apresenta os diversos aspectos da vida com uma dura realidade. Para muitos este é um livro ideal para tirar o leitor da zona de conforto.

4) Sapiens: História Breve da Humanidade

O autor Yuval Noah Harari é um doutor em história pela universidade de Oxford e professor da universidade Hebraica de Jerusalém. O livro fala sobre a história da evolução do ser humano de forma interdisciplinar e científica. O livro também traz uma reflexão sobre como somos pequenos e passageiros perante a história de nosso mundo.

5) O dilema do porco-espinho – como encarar a solidão

O livro escrito pelo historiador Leandro Karnal aborda a solidão do ser humano sob diversas visões, seja ela quando estamos a sós ou mesmo quando acompanhados por outras pessoas. Ele traz Na sua obra, o autor apresenta alguns questionamentos: por que nos sentimos sozinhos? A solidão é necessariamente má? Como podemos processá-la de modo saudável? A leitura é bem interessante para quem deseja explorar essas questões de autoconhecimento.

Gostou das nossas dicas? Então, aproveite o fim de semana para alimentar a mente com uma de nossas sugestões.

 

Leia também: